Blog

  • Especial Botox: tudo o que você precisa saber

    download

     

    Rejuvenescer o rosto sem precisar de uma cirurgia: este é o grande benefício do Botox, um dos procedimentos estéticos antienvelhecimento facial mais procurados. Com resultados rápidos e eficientes no tratamento de rugas e marcas de expressão – e também na sua prevenção – ele é seguro e prático, tendo poucos efeitos colaterais e podendo ser aplicado no consultório.

    Ao mesmo tempo que é muito procurado, boa parte das pessoas tem dúvidas sobre seu funcionamento e características. Preparei um material explicando ponto a ponto desse procedimento, espero que goste. Boa leitura!

    O que é o botox?
    Botox é o nome comercial da toxina botulínica, uma substância com propriedades que impedem a contração dos músculos. Os movimentos musculares são determinados pelos estímulos elétricos enviados do nosso cérebro através do sistema nervoso. A troca de informações entre os nervos e o músculo é realizada pela liberação da substância acetilcolina. O botox atua nesse momento, bloqueando a liberação desta substância, consequentemente, impedindo a contração muscular e o aparecimento de rugas e marcas de expressão.

    Porque o botox minimiza as rugas?
    Como o músculo para de receber a informação do sistema nervoso, após a aplicação do botox, ele não contrai. Assim, como fica paralisado (relaxado), evita a formação ou aparecimento das rugas e outras marcas de expressão. Mas não se assuste, apesar do termo “paralisado” isso não significa que você vai ficar sem expressão, uma aplicação correta e uma dosagem adequada garantem um resultado com aspecto natural.
    Quando utilizado para prevenção o funcionamento é o mesmo: ao relaxar determinado músculo, a toxina botulínica previne a formação de um vinco profundo no longo prazo.

     

    Quando começar a usar botox?
    O botox pode ser utilizado com dois objetivos: tratamento (1) ou prevenção (2) de rugas e marcas de expressão. No primeiro caso, o procedimento é feito quando já há rugas que incomodam a/o paciente. Nessa situação a substância é aplicada nessas áreas, com o objetivo de suavizar as marcas, dando um aspecto mais jovem para a pele.

    Já quando o procedimento é realizado com objetivo preventivo, a aplicação visa impedir a contração muscular para evitar que se formem as rugas. Este procedimento é especialmente procurado por mulheres jovens (a partir dos 30 anos) com tendência genética à formação de rugas. Mas é importante realizar uma avaliação com o médico para verificar se o procedimento é realmente necessário. É importante ressaltar que para poder fazer a aplicação de botox é necessário que a pessoa não se enquadre em nenhuma contraindicação (confira abaixo).

    Quem não pode usar botox?
    O Botox é contraindicado para quem está gestante, amamentando, pessoas com doenças neurológicas que afetam os músculos e alérgicos à proteína do ovo.

    Lembre-se que o diálogo com o médico é a melhor opção para esclarecer dúvidas sobre procedimentos estéticos.

    >> Rejuvenesça seu rosto: conheça os preenchimentos faciais

    Como o botox é aplicado?
    O processo consiste em uma injeção de toxina botulínica no local desejado, na maioria das vezes são marcas de expressão situadas na testa, lábios ou no canto dos olhos (conhecidas como pé de galinha). Sua aplicação é rápida, com duração entre 15 e 20 minutos.

    Porque meu botox durou pouco?
    O efeito da toxina botulínica dura cerca de 6 meses, quando é necessária uma nova aplicação. Mas é sempre necessário buscar um local e profissional de confiança para o procedimento. Em alguns lugares – especialmente aqueles que oferecem “descontos incríveis” – a toxina é diluída em excesso antes da aplicação, o que resulta em menos durabilidade ou efeito reduzido.

    Qual botox é melhor?
    Existem cinco marcas de Botox aprovadas pela Anvisa no Brasil:
    • Botox – laboratório Allergan;
    • Dysport – laboratório Ipsen;
    • Xeomin – laboratório Merz;
    • Prosygne – laboratório Cristália;
    • Botulift – laboratório Bergamo.

    Todas elas, segundo a agência, são eficientes, seguras e podem ser utilizadas. Na Chrisóstomo utilizamos apenas essas marcas. Caso for fazer a aplicação com outro profissional verifique se a substância utilizada já foi aprovada pela Anvisa.

    >> 7 respostas para as principais dúvidas sobre Botox!

    Quando o botox dá errado?
    Um dos mitos que envolvem o botox é a imagem de pessoas sem expressão facial em que o rosto parece paralisado. Mas esse não é o resultado de um botox aplicado por um profissional competente e especializado.

    Quando a aplicação é malfeita ou é colocada toxina botulínica em excesso a pessoa fica com o rosto “paralisado”, mas a culpa não é substância e sim do profissional que realizou o procedimento de maneira errada.

    Para a aplicação do botox é preciso um amplo conhecimento sobre os músculos faciais e suas funções, além de uma avaliação cuidadosa da quantidade necessária em cada região.

    Quanto custa a aplicação de botox?
    O custo para tratamento de toxina botulínica pode variar de acordo com a experiência e as qualificações da pessoa que realiza o procedimento, a quantidade de substância a ser aplicada e as regiões. Entre em contato clicando aqui e solicite um orçamento.

    Quem amamenta pode fazer botox?
    O botox não pode ser aplicado em pessoas que estão amamentando.

    Como é a recuperação do botox?
    O botox não exige cuidados especiais na recuperação, mas é preciso cuidar da pele para amenizar a vermelhidão. É normal ela ficar com manchas vermelhas nos primeiros dias e as compressas frias podem ajudar neste caso. Confira os cuidados completos clicando aqui.

    O botox pode auxiliar no tratamento de doenças?
    Existem pelo menos oito doenças que podem ser tratadas ou amenizadas com o botox, como bexiga hiperativa, estrabismo, entre outras. Para ver a lista completa e entender como a toxina atua em cada um dos casos clique aqui.

    Ficou com alguma dúvida? Deixe nos comentários! Quer saber mais sobre botox, cirurgias plásticas ou outros procedimentos? Entre em contato clicando aqui, ou pelos telefones (51) 3222-6939 ou pelo WhatsApp (51) 99915 6232.